terça-feira, dezembro 16, 2008

Ítaca

Quando partires, em direcção a Ítaca,
Cuida, para que a tua jornada seja uma jornada longa,
repleta de aventuras e descobertas.

...Lestrigões, Ciclopes, o irado Poseidon...
- não os temas,
...jamais, encontrarás coisas do género no caminho,
enquanto mantiveres os teus pensamentos elevados,
enquanto, mantiveres o teu corpo e espírito, envolvido,
por uma rara e sublime sensação.

Lestrigões e Ciclopes, o rebelde Poseidon...
- nunca te poderão perturbar,
a menos que os tenhas vindo a acalentar na alma,
a menos que, por isso,
a tua alma os possa tornar uma realidade no teu caminho.

Cuida,
para que a tua jornada seja uma jornada longa
para que possam haver muitas manhãs de Verão
e que possas entrar em portos que não conhecias,
cheio de prazer e alegria.

Que possas parar nos mercados de troca Fenícios
e encontrar coisas preciosas:
madrepérola, coral, âmbar, ébano,
perfumes sensuais de todos os tipos - tantos quantos possas encontrar -,
e que possas visitar muitas cidades Egípcias,
para que uma após outra vez, possas aprender com quem sabe.

Mantêm Ítaca, sempre em mente;
chegar lá é o teu destino...
mas, de modo algum, apresses a viagem...
melhor será que dure muitos e bons anos e que sejas velho ao lá chegar,
rico, com tudo o que foste ganhando pelo caminho
sem que nunca tenhas esperado que Ítaca te enriquecesse.

Ítaca, deu-te a viagem maravilhosa.

Sem Ítaca... jamais terias partido.

...Nada lhe restará para te dar quando chegares
e talvez te possa parecer pobre...
contudo, não te terá iludido.

Sábio, como então te terás tornado,
cheio de experiência,
entenderás por fim
o que representa
e qual o significado
de Ítaca.

Konstantinos Kavafy

4 comentários:

yulunga disse...

"Ele" já tem blog :-)
http://fernandonobre.blogs.sapo.pt/
Acho que gostarias de saber.
Beijinhos

Mário disse...

Olá

Em Outubro tive um comentário no meu blog que não cheguei a agradecer. Faço-o agora, ainda em 2008, pois não devemos esperar para fazer as coisas certas.

Subscrevo o comentário anterior ao blog do Fernando Nobre e recomendo vivamente!

Até breve!

uivomania disse...

Yulunga: obrigado pela dica. Já conhecia. O que eu não conhecia era o Pacht Adams e, malucos destes nunca são demais conhecer.
Bjs.

uivomania disse...

Olá Mário.
Não precisas agradecer. Bem basta o teu relato da vida simples que por lá se vai podendo viver.
Um abraço.