quinta-feira, maio 25, 2006

Um homem de sucesso

Homem de família, católico mais ou menos praticante, adepto comedido mas sofredor q.b. de um clube dos maiores, chegara a casa com a sensação do dever cumprido. Como quem limpa o cú a meninos, tinha vendido mais um carrinho. Um veículo com dez anos como novo, pertencente a uma velhinha. Negócio limpo, tinha dado para por a conta a positivo, pagar a prestação em atraso do andar, encher o peito de ar e levar a amante a comer uma mariscada! ...Num toma lá dá cá, tinha safado a vidinha e fodido mais um amigo!...

2 comentários:

Mac Adriano disse...

Mais um artista português, suponho.

Nevrótica Aluada disse...

Irraaaa... que gajo mais aborrecido!!!